Georgeo: “poderemos ter até 25% de aumento no IPVA em 2022”

Foto: Joel Luiz

O deputado estadual Georgeo Passos (Cidadania) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese), na manhã desta quarta-feira, 10, para fazer um alerta sobre o aumento de até 25% que o IPVA dos veículos licenciados em Sergipe pode sofrer em 2022. De acordo com o deputado, a valorização dos veículos seminovos na tabela FIPE é um indicador deste aumento.

“Com a inflação nas alturas, os carros seminovos tiveram uma supervalorização na tabela FIPE. O mercado aqueceu e os preços subiram muito. E como nós sabemos, de acordo com a Lei 7655/2013 aqui em Sergipe, a base de cálculo para o IPVA de carros usados é o valor de mercado, então se o Governo utilizar o contrato que tem com a FIPE e usar a sua base de dados, poderemos ter um aumento muito grande no IPVA”.

O parlamentar também citou um extrato de contratação, que foi publicado no Diário Oficial do Estado ainda no começo de outubro, de uma empresa para a prestação de serviços para a elaboração de uma tabela de preços de veículos para a cobrança do IPVA/2022. Segundo Georgeo Passos, o valor do contrato é de R$ 41.834.28.

“Outro indicador de aumento é a empresa que o Governo contratou para elaborar uma tabela de preços de veículos automotores para a cobrança do IPVA/2022. Para que o Governo vai contratar uma empresa para elaborar essa tabela de cobrança? Não estamos em um bom momento para ter aumento de impostos. O cenário econômico é muito preocupante”.

Para Georgeo, a situação atual dos trabalhadores não condiz com um aumento tão brusco. “Quando o trabalhador for comparar o que ele pagou de IPVA em 2021 com o que ele vai pagar em 2022, ele vai ter um susto. É uma diferença altíssima e a situação atual deles não comporta mais esse aumento, afinal gasolina está cara, a cesta básica está mais cara e agora também o IPVA?! Além disso, os trabalhadores nunca vão conseguir 20% de aumento em seus salários”.

Georgeo disse que espera que o Governo abra um diálogo com os parlamentares para que esse aumento não prejudique ainda mais os sergipanos. “Alguns estados estão revendo essa postura. No Mato Grosso do Sul, por exemplo, o Poder Executivo e o Legislativo viram uma alternativa para minimizar esse aumento do IPVA no bolso dos sul-mato-grossenses”.

“Espero que Belivaldo aceite conversar com esta Casa e que nós também possamos ver algo para ajudar os sergipanos. Nesta quinta-feira, 11, nós faremos uma indicação para viabilizar algo neste sentido. Faço aqui um apelo para que tanto o Governador quanto os colegas deputados possam trabalhar para congelar o valor do IPVA 2021 para que este possa ser usado como base na cobrança do imposto em 2022. E que o povo sergipano seja a prioridade neste momento”.

Por: Assessoria Parlamentar

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...