Adelson Filho lamenta morte de Clemilda

Adelson“Sergipe, o Nordeste e o Brasil perderam um grande ícone da música”, foi com esse discurso que o vereador Adelson Barreto Filho (PSL) fez o seu pronunciamento nesta quarta-feira, 26/11, na Câmara Municipal de Aracaju (CMA), para lamentar a morte da cantora Clemilda, ocorrida na madrugada desta quarta-feira, aos 78 anos de idade.

Clemilda, que sofria do mal de parkinson, estava internada em um hospital particular na Capital há vários meses e faleceu na madrugada desta quarta-feira. “Perdemos a nossa maior referência da música”, afirmou Adelson. Para o vereador, Clemilda, que nasceu em Alagoas, foi uma das maiores artistas que o País já teve.

“Por onde passava, essa alagoana de nascimento, mas sergipana de coração, levava o nome de Sergipe. Ela mostrou para o Brasil a força do povo e da música nordestina com hits como Prenda o Tadeu e Forró Cheiroso. A música brasileira está de luto e perde uma artista brilhante”, frisou.

Adelson lembrou, ainda, do programa que a cantora apresentava na TV Aperipê. “O Forró no Asfalto era o programa mais antiga da TV e, mesmo com ela hospitalizada, não deixou de ser exibido”, disse.

Por Bruno Almeida

Foto: Acrisio Siqueira

Comentários

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...

%d blogueiros gostam disto: