Assaltantes de postos são presos pela policia de Sergipe “Um de Alagoas e outro de Rondônia

assaltantes-de-postocombustiveis-slideOs assaltantes de postos de combustíveis foram identificados como Sidclay Nozeiro de Assis, de 36 anos, natural do Estado de Rondônia e Guilherme Soares Tenório de Souza, de 26 anos, do Estado de Alagoas.Eles foram presos por voltas das duas horas da manhã desta segunda-feira, dia 12, pelos policiais do Grupamento Especial de Rondas e Blitz (G.E.R.B), apoiado pelos policiais da Companhia de Operações Especiais (COE) e Coordenadoria de Polícia Civil do Interior (Copci), quando tentavam assaltar o Posto de Combustível Petrox, no município de Barra dos Coqueiros-SE.

Antonio-Ramos-do-GERBDe acordo com o policial do GERB, Antônio Ramos, eles estavam realizando uma blitz de rotina, e ao passar pelo posto Petrox, procurou o vigia para saber se estaria tudo em ordem “foi quando notamos que o vigilante demorou para nos atender, e para completar um dos bandidos querendo se passar pelo vigilante do posto chamou a nossa atenção pelo comportamento estranho, demos voz de prisão e prendemos o primeiro do grupo”, relata o policial.

“ O segundo estava dentro do escritório com o vigilante do posto como refém, pedimos apoio do COE e da COPECI, porque o elemento estava armado e poderia fazer algo de ruim com a vítima. Mesmo com a chega do apoio policial, o assaltante relutou para se entregar e pedia a presença de um advogado. Mas depois de algumas negociações e por saber que seria ruim para ele, optou por se entregar e os trouxemos para Delegacia Plantonista (DEPLAN) de Aracaju-SE”, explica Antônio Ramos (GERB).

A policia disse ainda, que os mesmos elementos e mais um casal participaram de um assalto na cidade de Pirambu, litoral norte de Sergipe cerca de duas horas antes de serem presos na Barra dos Coqueiros.

ASSALTANTES-DE-ALAGOAS-E-RO--02Em Pirambú, uma mulher acompanhada de Guilherme Tenório chegou ao Posto Presidente, pedindo ao vigilante para encher uma garrafa com água, e logo depois pediu mais outra garrafa com água, e na distração do vigilante, eles anunciaram o assalto.

Sob a mira de um revólver, o vigilante foi amarrado com fita adesiva nas mãos e pernas, enquanto o casal chamou os outros dois integrantes do bando para arrombar o cofre com um pedaço de madeira e duas barras de ferro. Onde conseguiram levar uma quantia de cerca de 12 mil reais e depois fugiram.

“No posto da Barra dos Coqueiros, o casal conseguiu fugir, ela possivelmente estava dentro de algum carro para dar a fuga da dupla, enquanto o outro elemento ficava na pista como olheiro, e quando viram a policia se dirigir ao posto, escaparam deixando para trás os parceiros”, conclui Antônio GERB.
Por :Imprensa1
Guilherme-Tenorio-de-SouzaSidclay-Nozeiro-de-Souza-RO.2ASSALTANTES-DE-ALAGOAS-E-RO--01

Comentários

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...

%d blogueiros gostam disto: