Cabo da PM tem jardim invadido, é baleado e esposa denuncia hospital

Com EXCLUSIVIDADE O Portal Imprensa1 ( www.imprensa1.com) recebeu a seguinte informação:


O cabo da Polícia Militar de Sergipe (PM/SE), José Marcio da Costa, foi vítima de uma tentativa de homicídio no final da noite dessa quarta-feira, dia 26, na zona de expansão de Aracaju. Onde ele teve parte de sua casa invadida por um homem, que armado, efetuou cerca de dois tiros em sua direção e um deles, atingiu a sua nuca.

Era por volta das 21h, no Conjunto Costa Nova 1, Bairro Aruana , zona de expansão da capital sergipana, quando o militar estava jantando com sua esposa, e um individuo se aproximou da janela da frente da casa e atirou contra o cabo Marcio. O criminoso fugiu após a esposa do militar ter gritado por socorro. O Serviço Móvel de Urgência (SAMU) e polícia foram acionados. Segundo a esposa do cabo, o plantão médico da Urgência do IPES, foi negligente e por isso,  Marcio foi levado para o Hospital de Urgência de Sergipe Governador João Alves Filho, na zona Oeste de Aracaju com ferimentos no pescoço.

De acordo com o que foi apurado pelo Portal Imprensa1, o militar que está afastado de suas atividades a cerca de dois anos para se recuperar de uma queda que sofreu em 2019 e hoje, é dependente de uma cadeira de rodas e fisioterapias. Que segundo a sua esposa, Joseane Pereira, ele está muito debilitado por causa dessa queda que sofreu dentro do Quartel CFAP no Bairro América, enquanto trabalhava em prol da sociedade. “Para completar, ele sofre da falta de uma atenção adequada por parte do Comando Geral da Polícia Militar no tocante a assistência médica e o PEDIDO de PROMOÇÃO  que está engavetado. E com isso, o seu esposo e sua família passa por dificuldades. Para ele mesmo, os gastos são grandes com remédios, alimentação, condução e etc…”, relata a esposa do militar.

A informação dá conta, que o cabo José Marcio, foi bem atendido no Hospital de Urgência de Sergipe, passou pela sutura, exames e como o ferimento à bala foi de raspão, ele foi liberado nessa quinta-feira, dia 26.

Tentamos contatos como o comandante da PM, mas o mesmo não respondeu ao nosso repórter. A pergunta que não quer calar: E segurança desse militar, de sua família,e as rondas na localidade?

O Portal Imprensa1 está a disposição do Comando da PM .

Tel e WhatsApp: (079) 9 9192-2911  e E-mail: [email protected]

Por: www.imprensa1.com

 

 

 

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...