Capitão Samuel usa a tribuna para cobrar resposta do governo Déda

cap-SAMUELO deputado estadual capitão Samuel(PSL), usou a tribuna do pequeno expediente da Assembléia Legislativa na tarde desta segunda-feira,9.

Para cobrar do governador Marcelo Déda, uma resposta da pauta de reivindicações da categoria Militar e Bombeiros entregue a cerca de 15 dias ao secretário de Articulação com os Movimentos Sindicais, Chico Buchinho, e que até o momento não houve nenhum pronunciamento do Governo do Estado.

De acordo com o parlamentar, na pauta existem os seguintes pontos: a Lei de Organização Básica, a definição da carga horária dos militares, a exigência de nível superior para ingresso na corporação e tratamento igualitário na segurança pública.

Na oportunidade, Samuel aproveitou a presença dos militares na galeria da casa, para exibir um vídeo mostrando o dia-a-dia dos policiais.

O deputado Samuel, explica ainda, que este ano os policiais e bombeiros fizeram uma assembleia unificada, na qual ele se fez presente, e entre os pontos definidos foi colocado o aumento salarial, porque naquele momento a categoria compreendeu que o Estado estava passando por uma situação difícil, mas a pauta definida e aprovada trata da definição de carga horária, que foi um tema que já discutido em anos passados, mas que até hoje não foi definida ainda.Acompanhe a entrevista no Imprensa1.com .

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  

 

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...