Imprensa1
Site de notícias do jornalista radialista Marcos Couto

Centro de Oncologia do Huse promove evento contra a homofobia

capaOncologia contra Homofobia: em nosso coração só tem espaço para a alegria!’. Foi esse o lema utilizado pelo Centro de Oncologia do Hospital de Urgência de Sergipe (Huse) nesta sexta-feira, 29, para fortalecer a luta pelo preconceito em um evento realizado no auditório do hospital.

De acordo com a coordenadora da Oncologia do Huse, Rute Andrade, o preconceito contra os homossexuais ainda é muito presente na sociedade. “Muitas famílias com entes que se tratam no Centro de Oncologia contratam homossexuais como cuidadores, mas estes são frequentemente hostilizados por outros pacientes, por visitantes e até mesmo pela própria família que os contrata.Não podemos deixar isso acontecer e fechar os olhos. Por isso hoje estamos fazendo essa movimentação contra a homofobia, contra a intolerância. Devemos sim ter intolerância com a hipocrisia”, afirma Rute.

bc_033A movimentação a que Rute Andrade se refere trouxe muita cor e alegria para o Huse. O artista Audry da Pedra Azul – conhecido pela imitação que faz do cantor Ney Matogrosso – foi a atração do dia. Audry conta que quando recebeu o convite para participar do evento não pensou duas vezes, e disse sim.”Nós, seres humanos, temos a obrigação de cumprir nossa meta de voluntariado. E eu sei que, com essa apresentação musical, muitos ficam com a autoestima elevada, ficam mais felizes e têm diminuída a dor de conviver com doenças. Para mim, é um prazer proporcionar esse bem estar às pessoas”, declara o artista.

Para a médica Madeleine Ramos, escolhida como madrinha do evento, a iniciativa acontece em um momento propício. “Essa é uma época em que precisamos mesmo refletir sobre esse preconceito, pois é visível o crescimento da agressividade praticada contra os homossexuais.

O fato de realizar esse evento no Huse serve para mostrar que existe tolerância e respeito aos homossexuais. Cada um tem o direito de fazer sua opção sexual, isso não influencia em competência de nenhum ser humano”, comenta. Um dos participantes da festa foi o massoterapeuta e colaborador do Huse Carlos Hamilton da Conceição.”Isso aqui é só alegria, é uma demonstração de liberdade, é tudo de bom. É uma homenagem a todos nós. Está de parabéns a organização, pois tudo foi feito com muito amor, apoio, amizade”, diz.

Já o farmacêutico Valmir Paes participou diretamente da iniciativa. Ele foi o responsável pela decoração do local. “Quando Rute Andrade [coordenadora do Centro de Oncologia do Huse] me convidou para ajudá-la a organizar essa festa, aceitei de imediato. Acho que esse momento é muito importante para conscientizar os colegas, os pacientes e acompanhantes sobre esse grande preconceito que existe na sociedade”, opina.

Fonte: Por Andreza Azevedo, Ascom/Huse

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...