Ministro da Saúde do Brasil chega ao estado do Amazonas junto com profissionais treinados para o combate ao COVID-19

Nesta segunda-feira (4), o ministro da Saúde, Nelson Teich visitou hospitais na capital Manaus (AM) e se reuniu com autoridades locais para acompanhar de perto as ações desenvolvidas no enfrentamento à COVID-19. Desde o início da pandemia no Brasil, o Ministério da Saúde destinou R$ 68,8 milhões ao estado para o fortalecimento da rede hospitalar e de vigilância, além do envio de 1,5 milhão de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) e de 90 respiradores. O estado do Amazonas possui 7.242 casos e 584 óbitos, registrando uma das maiores taxas de incidência do país.

Acompanhado do prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, o ministro da Saúde visitou as instalações do Hospital de Campanha Municipal Gilberto Novaes, além do Hospital de Retaguarda Nilton Lina e Hospital Delphina Rinaldi Abdel Azir. “É uma situação única que o Brasil e o mundo estão vivendo. É uma doença que chega com uma capacidade enorme de sobrecarregar qualquer sistema do mundo. Mas tenho certeza que, trabalhando em conjunto, de forma planejada e estruturada, vamos ajudar a sociedade e fortalecer no nosso sistema de saúde”, destacou Teich.

O Ministério da Saúde também distribuiu cerca de 1,5 milhão de Equipamentos de Proteção Individual para o estado do Amazonas, sendo 88.803 aventais descartáveis, 455.048 luvas, 79.800 máscaras N95, 488.800 máscaras cirúrgicas, 1.340 óculos de proteção, 4.500 sapatilhas e 337.500 toucas descartáveis, além de mais de 15 mil litros de álcool etílico.

O estado amazonense recebeu ainda do Ministério da Saúde mais de 116 mil testes de diagnóstico sendo 40.768 RT-PCR (biologia molecular) e 75.320 testes rápidos.

O BRASIL CONTA COMIGO

 Os 267 profissionais de saúde, contratados pelo Ministério da Saúde, para atuar no enfrentamento à COVID-19 chegaram ao estado do Amazonas nesta segunda-feira (4) e passam por capacitação. São 37 médicos, 118 enfermeiros, 57 técnicos em enfermagem, 26 fisioterapeutas, 12 farmacêuticos e 17 biomédicos. A capacitação inclui aulas teóricas e simulações práticas e segue até quarta-feira (06). Na manhã de hoje, participaram de palestra com os psiquiatras da Sociedade Brasileira de Psiquiatria – Regional Amazonas (SBP-AM), Jorge Akel e Cleber Naief, sobre os cuidados com a saúde mental. A partir de quinta (7), os profissionais começam o atendimento à população.

Estes profissionais se inscreveram na ação estratégica “O Brasil Conta Comigo”, que está cadastrando e capacitando profissionais, residentes e estudantes da área de saúde de todo o país para atuarem no atendimento à população diante da pandemia de coronavírus, em apoio aos estados e municípios que mais precisam.

Além da estratégia “O Brasil Conta Comigo”, o Ministério da Saúde já havia enviado ao estado do Amazonas 29 voluntários da Força Nacional do SUS (FN-SUS), sendo 8 médicos, 19 enfermeiros e 2 fisioterapeutas para atuação temporária no enfrentamento à doença.

Reproduzido com adaptação: imprensa1.com

Fonte: saude.gov.br/noticias

Foto: Erasmo Salomão / ASCOM MS

 

Comentários

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...

%d blogueiros gostam disto: