Deputado critica ação da PF sobre voto impresso

Foto: Jadilson Simões

O deputado estadual Rodrigo Valadares (PTB) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) na manhã desta quarta-feira, 25, externando sentimento de indignação e frustração com a notícia do jornal O Bastidor que, sob comando de Alexandre de Moraes, a Polícia Federal (PF) está na mira de Eduardo Bolsonaro.

“O presidente do meu partido está sendo investigado por ter convicção política e por falar. Infelizmente, estamos vivendo no Brasil a mesma coisa que a Alemanha Nazista viveu: o direito penal do inimigo. Não é o que você faz ou como age, é o que você é. Ele está sendo investigado por algum crime que comentou? Por roubar, por corrupção ativa ou lavagem de dinheiro? Não. É investigado por defender o voto impresso, ou seja, ter a mesma posição que eu defendo e que já expressei publicamente nas minhas redes sociais, como também participei e convoquei manifestação a favor”, desabafou Rodrigo Valadares, acrescentando que infelizmente pessoas se regojizam por serem adversários políticos, a exemplo do ocorrido com o cantor e ex-deputado Sérgio Reis, 81 anos, que não pode se aproximar da Praça dos Três Poderes e teve sua casa vistoriada pela PF.

Por: Kelly Monique Oliveira/Ascom

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...