Deputado Georgeo Passos cobra trabalho digno na segurança de Sergipe

image_1Em sua primeira entrevista após a posse, realizada na última segunda-feira, 02, concedida ao radialista Leal Jr. durante o programa Realidade, na FM Itabaiana, Georgeo Passos comentou, entre outros assuntos, a eleição da mesa e a postura do grupo de oposição ao Governo na Assembleia Legislativa.

SEGURANÇA

Questionado sobre a audiência solicitada por Valmir de Francisquinho, prefeito de Itabaiana, e a deputada Maria Mendonça junto ao governador do Estado para cobrar por mais ações em segurança pública na região, Georgeo ressaltou que “as pessoas reclamam que não há segurança. Precisamos começar a exigir do governador e do secretário de segurança pública que toma posse nesta terça-feira, dia 03, que façam um trabalho digno”.

“A eleição acabou em outubro e agora sou deputado para lutar pelo povo de Sergipe. Não vejo problema algum, se realmente for para somar forças e trazer mais segurança para a região, que este deputado se faça presente, mas ressalto que esta audiência foi solicitada pelo prefeito Valmir, que vem fazendo um excelente trabalho e está preocupado com a segurança em seu município, com a gente de Ribeirópolis está assustada com a quantidade de homicídios sem solução, e temos que cobrar”, complementou.

ELEIÇÃO DA ALESE

Segundo o parlamentar, “a oposição entendeu que deveria dar um voto de confiança a um colega para que comande a casa”. “Temos que entender e separar as coisas. Não é porque Venâncio estava na chapa ou Georgeo votou a favor que vamos fazer parte da base do Governo, pelo contrário: permanecemos em nosso grupo, liderado por Eduardo Amorim e fazendo parte da oposição”, ressaltou.

Georgeo também comentou sobre a importância de uma oposição com responsabilidade, para que o Estado volte a se desenvolver. “Não podemos ter servidores públicos recebendo parceladamente, algo que nunca tinha visto; cobrar por segurança púbica e pela saúde em nosso estado, que também precisa de cuidados”, afirmou.

“Chico Passos e Antonio Passos sempre fizeram seu trabalho na Assembléia com responsabilidade, sem agressão nem diminuir ninguém, e esta será a nossa postura”, concluiu.

Comentários

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...

%d blogueiros gostam disto: