Deputado Gilmar Carvalho pede que MPE investigue incêndio no Nestor Piva

91
Foto: Jadilson Simões

O deputado Gilmar Carvalho entrou com uma Representação Criminal para que o Ministério Público investigue irregularidades ocorridas durante o incêndio ocorrido no último dia 28 de maio que atingiu a Unidade de Pronto Atendimento Nestor Piva. O incêndio começou na ala de tratamento dos pacientes com Covid 19, deixou vários feridos e causou no mínimo quatro mortes por inalação de fumaça.

De acordo com o deputado, houve informações de que em um dos atestados de óbito consta causa mortis Covid 19 apesar do corpo não ter nem sido encaminhado ao Instituto Médico Legal. Tal fato, em tese, pode configurar fraude processual.

Além disso, há informações que o incêndio teve origem em instalações improvisadas de aparelhos de ar condicionado e, enquanto as causas do acidente não tenham sido devidamente esclarecidas, tal fato pode supostamente caracterizar homicídio culposo.

Na Representação, Gilmar Carvalho pede que o MPE apure se houve a prática dos crimes acima citados ou de outros delitos previstos na Legislação Penal, supostamente de responsabilidade do Prefeito Municipal e/ou de outras autoridades municipais.

Por: Assessoria Parlamentar

Comentários

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...

%d blogueiros gostam disto: