Imprensa1
Site de notícias do jornalista radialista Marcos Couto

Funcionário da Petrobras é executado

PETROBRASMoradores do município de Siriri, distante cerca de 50 Km da capital sergipana, estão revoltados e comovidos com o assassinato de um funcionário da Petrobras que foi sequestrado, torturado e assassinado na madrugada do último sábado, 23.

O fato foi registrado ás 3h quando cinco homens fortemente armados chegaram a residência da vítima identificada como Derisvaldo Lima Cunha, de 41 anos. De acordo com o delegado plantonista Eurico Cesar Souza Nascimento, os bandidos são os mesmo quesequestraram o secretário Jorge Araújo.

O delegado conta que a família da vítima relatou durante ouvida que os homens chegaram a se identificarem como policiais, mas com a recusa da família em abrir a porta, os bandidos derrubaram a porta dos fundos e a janela da frente da residência. Após retirar o funcionário da Petrobras de casa, os bandidos levaram a vítima para um poço de extração de petróleo e assassinaram Derisvaldo com dois tiros de pistola e um disparo de calibre 12 no rosto.

O rosto da vítima ficou completamente desfigurado e o olho saiu da caixa óssea. Motivação A polícia já tem informações sobre a motivação e pelo menos um dos autores do crime. De acordo com o delegado Eurico Cesar, o crime foi motivado por uma disputa pela guarda de uma criança de seis anos que é filha de um ex-presidiário.O cunhado da vítima, Redival da Silva, contou a equipe do Portal Infonet que Derisvaldo criava a menina desde os dois anos e que na época o pai da garota estava preso.

“Quando ele saiu começou a ameaçar meu cunhado, mas a menina não queria morar com ele porque tinha se apegado a família e aos dois irmãos”, relata Redival que menciona que a criança foi dada a família pela própria mãe, que é concunhada de Derisvaldo.“A mãe da menina não podia criar ele e deu para o meu cunhado, e esse homem depois que saiu do presídio passou a fazer ameaças”, diz Redival que salienta que o cunhado tinha muito amor pela criança e que todos na cidade têm muito carinho por ele.

Para a polícia o ex-presidiário é um dos cinco homens que assaltou o veículo do secretário Jorge Araújo. “Após cometerem o crime, eles foram para a cidade de Capela, onde bateram o carro e estouraram os pneus. Logo após abandonaram o carro na estrada e assaltaram um carro Gol de um motorista que passava pela estrada”, diz o delegado que menciona que não divulgará o nome do ex-presidiário para não atrapalhar o andamento das investigações.

“Nós estamos checando algumas informações, provavelmente ele é foragido da Justiça”, diz. Os bandidos também levaram um revólver calibre 38 de propriedade da vítima. Quem souber informações sobre cinco homens em um veículo Gol pode entrar em contato com a polícia através do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp), 190, ou pelo disque denúncia 181.O corpo do funcionário da Petrobras permanece no Instituto Médico Legal (IML) onde deverá ser liberado para o sepultamento nas próximas horas.

Por Kátia Susanna (infonet)

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...