Georgeo Passos nega que tenha falado em “reajuste salarial” sobre PLs

Foto: Jadilson Simões

O deputado estadual Georgeo Passos (Cidadania) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa, na manhã de hoje, 24, para comentar o discurso do também deputado Iran Barbosa (PT) de que mentiras foram lançadas nas redes sociais sobre os projetos aprovados, semana passada na Casa, que normatizaram os salários do governador, da vice-governadora e dos parlamentares.

Georgeo fez questão de se posicionar dizendo que, nas críticas que fez, em momento algum falou em reajuste salarial, mas que sua emenda defendia sim a redução do salário do governador. “A proposta aprovada fixou o salário do governador em R$ 35 mil. Eu não entrei no mérito de reajuste em momento algum”.

“Só defendi que acho injusto que o governador seja o único servidor público que tenha seu salário reajustado nos últimos oito anos, quando todo o funcionalismo está sem essa condição. E aqui quase todas as votações são abertas. O problema é que alguns parlamentares, como líder Zezinho Sobral, se incomodam com as consequências do voto nas redes sociais”, completou o deputado.

Georgeo explicou que em suas redes sociais não falou em reajuste e não se incomoda com os “adjetivos” que recebeu nos últimos dias. “Fui chamado de oportunista, mas isso não me atinge porque eu sei o que faço nesta Casa”.

Iran Barbosa

Em aparte, o deputado Iran Barbosa (PT) disse que não fez menção a Georgeo em sua fala e que não vê problemas em ter seus votos divulgados nas redes sociais, mas pontuou dizendo que “o que não concordo é com a distorção da verdade. O salário do governador é de R$ 35 mil, mas não é de agora. Isso já vem há algum tempo. A verdade é algo complexo e, se não tivermos cuidado, não colaboramos com ela. Agora respeito a análise do deputado e o voto de cada um aqui”.

Por: Habacuque Villacorte/Ascom

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...