Imprensa1
Site de notícias do jornalista radialista Marcos Couto

Golpista interestadual é preso em Ribeirópolis

Ele já havia sacado mais de R$ 30 mil se passando por outra pessoa em Sergipe

Foto: PM/SE

Delegacia de Ribeirópolis, a Polícia Militar prendeu um golpista interestadual que se baseava em um filme para gerar prejuízos com empréstimos fraudulentos. O paranaense Silvio Fontes Kroetz foi preso nessa terça-feira, 12, quando tentava aplicar golpes na agência do Banco do Brasil de Ribeirópolis.

De acordo com as informações policiais, com levantamentos cartorários e de campo, policiais civis de Ribeirópolis identificaram a verdadeira identidade do suspeito.

Silvio Fontes Kroetz, apontado como um golpista interestadual, já foi preso diversas vezes por aplicar golpes em instituições bancárias (nos estados do Ceará, Rio Grande do Norte e Sergipe).

Ele estava em liberdade condicional desde o dia 22 de outubro de 2021, mas voltou a aplicar golpes no estado sergipano sendo preso mais uma vez nessa terça-feira, 12.

O delegado de Ribeirópolis responsável pela investigação, Gregório Bezerra, destacou que, na agência bancária do agreste sergipano, Silvio Fontes Kroetz, se passando por outra pessoa, sacou pelo menos R$ 30 mil por meio de empréstimos fraudados.

“Os funcionários do banco verificaram que os documentos eram falsos e acionaram a polícia local que efetuou a prisão de Silvio ainda na agência bancária. Na ocasião, foram apreendidos diversos documentos de identidade e cartões de crédito em posse do suspeito, assim como um automóvel HB20 e algumas jóias”, revelou o delegado.

Durante a prisão, o investigado fez uso do seu direito ao silêncio informando que só faria qualquer declaração em juízo. A Polícia Civil do Estado de Sergipe representou pela prisão preventiva dele, que se encontra preso à disposição da Justiça.

 

Histórico no crime

 

Em entrevista ao Diário do Nordeste, jornal do Ceará, em fevereiro do ano de 2009, Sílvio que é paranaense natural de Missal, explicou com detalhes a facilidade com que aplica seus golpes, chegando a obter de R$ 20 mil a R$ 50 mil. Ele revelou que se inspirava no filme “Prenda-me se for capaz”.  No filme, baseado em uma história real, o ator Leonardo DiCaprio, interpreta um falsário, que aplicava golpes em bancos, empresas aéreas e hospitais, declarou Silvio Fontes Kroetz na época.

Com Informações: SSP/SE

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...