Iran Barbosa fala sobre projeto que prevê piso salarial para Enfermagem

Foto: Joel Luiz

O deputado estadual Iran Barbosa (PT) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) para destacar o ato realizado na manhã desta quarta-feira, 24, pelos profissionais da Enfermagem e a mobilização nacional na expectativa de que o Projeto de Lei nº 2564/2020 seja pautado em plenário, no Senado Federal. A proposta, de autoria do senador capixaba Fabiano Contarato, visa estabelecer o piso salarial e a jornada de 30 horas para a Enfermagem brasileira.

De acordo com o deputado Iran Barbosa, o piso salarial nacional para Enfermagem é uma medida extremamente necessária que tem sido debatida durante anos. “Existe a necessidade da fixação do estabelecimento de um piso nacional para os profissionais da Enfermagem. A pandemia terminou evidenciando mais ainda a importância que tem esse segmento para garantia do atendimento da população. Existe um esforço nacional com vistas a se garantir esse direito que faz justiça a esse povo trabalhador que mantém na prática o funcionamento das instituições de saúde”, colocou o parlamentar.

Iran Barbosa explicou que o PL defende que os enfermeiros passem a ter um piso salarial de R$ 4.750, os técnicos passem a receber 70% disso e os auxiliares e as parteiras 50% desse valor. “Temos um dado de que esta medida, segundo dados passados pela pesquisa perfil da Enfermagem no Brasil, realizada pela Fiocruz em 2015, deverá beneficiar cerca de 2 milhões e 500 mil profissionais, sendo que desses dois milhões são técnicos e auxiliares”, enfatizou o deputado.

Outro assunto destacado por Iran Barbosa foi que moradores do município de Poço Redondo, no alto sertão sergipano, fizeram uma manifestação na rodovia SE-230, conhecida como Rota do Sertão, durante a manhã desta quarta-feira, 24, devido à falta de água na região.

Por: Kelly Monique Oliveira/Ascom

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...