Merece mais que palavras… Merece ser respeitado.

JORNALISTA - PROFISSÃOSer jornalista é mais do que ter uma profissão, pois diferentemente de outros ofícios, um profissional de jornalismo não deixa de sê-lo aos finais de semana ou aos feriados, pelo contrário, aproveita esse tempo para adquirir mais algum conhecimento sobre qualquer assunto, já que deve saber um pouco de tudo, embora nunca esteja totalmente informado.

O jornalismo é uma profissão que não atrai a maioria, talvez por não garantir bons salários e nem mesmo a tão sonhada fama, mas é melhor que seja assim, para não haver uma banalização de um ofício que deve ser em prol da sociedade, mais para um serviço comunitário que empresarial.

Ainda que o jornalista necessite de remuneração tanto quanto os outros profissionais, esse não deve ser o objetivo final para a escolha dessa profissão, e sim a vontade nata de ajudar ao próximo de alguma forma, seja alertando a sociedade sobre determinado assunto, seja impedindo que informações desnecessárias cheguem a público.

FOTO -FERNANDA CIBELBNFERNANDA DE OLIVEIRAO bom jornalista não é aquele que demonstra saber tudo, mas aquele que tem humildade para querer e estar sempre aprendendo algo, que aprende com qualquer pessoa, uma criança ou um idoso, um empresário ou um analfabeto. É ter sensibilidade para se adequar aos diferentes acontecimentos da vida, demonstrando isso em suas reportagens. Investigar é mais que um verbo para quem exerce essa profissão, é um compromisso para que se possa transmitir a realidade dos fatos aos interessados.

Por fim, é preciso ter paixão para ser um jornalista. Saber receber as informações corretas e transformá-las para uma transmissão de acordo com cada realidade e ainda ter presteza, adequando isso aos interesses empresariais dos meios de comunicação.

É ter capacidade de inovar para prender a atenção daqueles que querem obter conhecimento, ao mesmo tempo em que, tenta convencer os não interessados. É ler, escrever e falar bem, mas mais do que isso, é conhecer e respeitar as diversas culturas, suas linguagens e necessidades.

Origem do Dia do Jornalista

O Dia do Jornalista foi criado pela Associação Brasileira de Imprensa (ABI) como uma homenagem à Giovanni Battista Libero Badaró, importante personalidade na luta pelo fim da monarquia portuguesa e independência do Brasil.

Giovanni Badaró foi médico e jornalista e foi assassinado no dia 22 de novembro de 1830, em São Paulo, por alguns dos seus inimigos políticos. O movimento popular que se gerou por causa do seu assassinato levou D. Pedro I a abdicar do trono em 1831, no dia 7 de abril, deixando o lugar para seu D. Pedro II, seu filho, com apenas 14 anos de idade.

Foi só em 1931, cem anos depois do acontecimento, é que surgiu a homenagem e o dia 7 de abril passou a ser Dia do Jornalista.

Foi também no dia 7 de Abril que a Associação Brasileira de Imprensa foi fundada, em 1908, com o objetivo de assegurar aos jornalistas todos os seus direitos.

Mensagens e Frases para o Dia do Jornalista

“Mais do que transformar os fatos em notícias, você é responsável por perpetuar os acontecimentos na história”

“Jornalismo é publicar aquilo que alguém não quer que se publique. Todo o resto é publicidade” (George Orwell)

“Você nos dá ouvidos. Você nos dá olhos. Você nos dá voz. E nós damos os parabéns!”

 

Fonte do texto: http://www.calendarr.com/brasil/dia-do-jornalista/ e http://jornalistasempauta.blogspot.com.br/2010/04/nao-e-uma-questao-e-uma-certeza.html

Foto ilustrativa:

http://alexandrojack.com/category/charges/page/19/,

goggle.com.br e https://umaviagemapaixonante.wordpress.com/2014/04/07/dia-do-jornalista/

Comentários

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...

%d blogueiros gostam disto: