Imprensa1
Site de notícias do jornalista radialista Marcos Couto

MORADOR DENÙNCIA: “Policial denunciou mulher a traficantes e ela foi barbaramente assassinada”

policiaisMulher é tirada de casa, assassinada e tem cabeça colocada em estaca. O grupo responsável pelo tráfico de drogas do Conjunto Carminha no bairro do Benedito Bentes, em Maceió, já é conhecido da polícia pela forma cruel e violenta com que domina a região, mas nas primeiras horas do último domingo dia 24, eles deram uma demonstração de ousadia e barbárie.

Por volta das duas horas da manhã, um grupo de pelo menos cinco traficantes se dirigiu a uma residência, localizada na quadra N, dentro do Conjunto e de lá tiraram uma mulher identificada como Maria de Lourdes Farias Melo, 26 anos que estava com um parente e seus filhos.

Logo em frente a residência os traficantes a espancaram e a mataram a tiros, logo após eles percorreram alguns metros e na principal avenida do Conjunto, arrancaram a cabeça e um braço da vítima, com golpes de foice e com o sangue da jovem escreveram a palavra “cabueta”.

CabeaOs traficantes ainda colocaram a cabeça da jovem nas estacas de um terreno baldio, em um claro recado a comunidade local. O Cadaminuto falou com um morador que fez uma denúncia grave, ao relatar que um policial teria revelado aos traficantes que ela estava passando informações para a polícia sobre as atividades do grupo.“Aqui ou a gente se muda, ou a gente se cala, porque quem tenta denunciar para a polícia o que acontece acaba deste jeito”,explicou o morador.

( VEJA OUTRAS FOTOS DESTA CRUELDADE E FAÇA O SEU JULGAMENTO – ACESSE Noticias mais lidas no site imprensa1.com no final da pagina, canto direito)

Fonte: www.cadaminuto.com.br

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...