Para vereador, oposição prejudica bom funcionamento da prefeitura

AgamenonComo o vereador Agamenon Sobral (PP) sempre diz, a culpa pela saúde de Aracaju estar como está é puramente administrativa e durante seu pronunciamento na Câmara Municipal de Aracaju (CMA) nessa quinta-feira, 7/8, ele trouxe alguns nomes para provar que há funcionários prejudicando a estrutura da saúde. Ele afirmou que esses funcionários são resquícios da gestão passada.

“Sabe por que a Saúde não funciona? Vou dizer o porquê. A coordenadora do Nucar, órgão que rege todos os exames dos municípios está em poder do ex-secretário Rogério Carvalho, a senhora Cecília Mendonça. Isso acontece também no setor de recursos humanos da prefeitura. A senhora Simone não atende ninguém da bancada do prefeito. Desse jeito a prefeitura só vai andar para trás mesmo. O prefeito é do DEM, mas a prefeitura é administrada pelo PT e quem é do PT não trabalha, nunca trabalhou. O povo do PT vive se vangloriando do presidente Lula, que é o chefe da quadrilha”.

De acordo com Agamenon existem ainda outros casos em que as dificuldades estão atreladas a pessoas que pertencem à oposição do atual prefeito. “Posto de saúde do Bairro Veneza, colocaram lá uma coordenadora com o nome de Fabíola, a mulher nem apareceu para trabalhar e já está de férias. A ouvidoria da prefeitura é coordenada pela esposa do presidente do PT da Barra dos Coqueiros, isso é uma esculhambação. Tem saúde que vá para frente assim? Não tem”.

O parlamentar ainda citou o caso do mercado localizado no Augusto Franco. “O prefeito acabou de construir o mercado Augusto Franco, belíssimo. Colocou um diretor e a secretária do diretor é prima da vereadora Lucimara Passos, do PCdoB. Prefeito João Alves, pelo amor de Deus, se o senhor quer organizar a saúde, o município, mande esse povo embora, assim não tem como administrar”.

Eu avisei

Sem medo de falar e defender o que acredita, o vereador Agamenon Sobral lembrou, em seu pronunciamento, de uma conversa que teve com o ex-secretário de saúde Alvimar Rodrigues sobre a necessidade de se moralizar a saúde de Aracaju, avisando a ele que se não tivesse coragem, que nem assumisse a pasta. Parece que o vereador estava certo, porque os problemas da saúde não foram resolvidos.

Agamenon ainda falou que se dispôs a ajudar o então secretário através de fiscalização e denúncias, mas pouca coisa aconteceu. Uma das denúncias feitas por Agamenon é sobre a médica Lucyene Silveira tendo em mãos um abaixo-assinado com assinaturas da comunidade da Coroa do Meio que reclama a falta da médica. Segundo ele, Lucyene não compareceu ao trabalho durante todo o ano de 2010 e em 2014 ainda não foi, sempre apresentando atestado médico.

Agamenon confirmou que o secretário Alvimar tinha conhecimento do caso e nada fez, sendo assim “tem que cair fora mesmo” (sic). Agora o parlamentar acredita que as coisas irão mudar e já disse que acredita na administração do novo secretário Luciano Paz, principalmente por ele não ser corporativista.

Por Arícia Menezes, assessora parlamentar

Foto: Acrisio Siqueira

Comentários

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...

%d blogueiros gostam disto: