PC de SE desarticula grupo criminoso que atuava na prática de roubos Codevasf em AL

Agentes da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core) deflagraram uma operação e desarticularam um grupo criminoso que atuava na prática de roubos em estações de bombeamento. A ação criminosa tinha como objetivo a retirada de fios de cobre, que eram vendidos como sucata em ferros-velhos. A operação ocorreu nessa quinta-feira, 12, no conjunto Jardim, em Nossa Senhora do Socorro.

O Setor de Operações de Inteligência da unidade policial recebeu informações de que o grupo criminoso estaria em duas residências, localizadas em uma invasão no conjunto Jardim, em Nossa Senhora do Socorro, descascando os fios, com o objetivo de reduzir o volume do material e encobrir a origem ilegal do produto.

Segundo as investigações, durante a madrugada da quarta-feira, 16, um grupo invadiu a estação do bombeamento da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), na cidade de Penedo (AL). Lá, eles renderam o vigilante, utilizando armas de fogo, colocaram um capuz na vítima e ainda roubaram pertences pessoais, além do, interesse principal, cabeamento de fios elétricos.

Com o grupo criminoso, os agentes apreenderam alicates para o corte de fios de grande porte, luvas e várias facas para descascar os fios. Na ação policial, foram presos Eduardo Santana dos Santos, Jeferson Valdir Alves da Mota, José Leonardo de Jesus Santos, Igor Ramos da Cruz, José Edivan da Cruz, Jolysson Soares dos Santos e Jonata dos Santos. Além deles, Isabela Ramos Teles também foi detida. Ela guardava o material utilizado no crime, além dos produtos roubados.

Durante a operação, quatros suspeitos tentaram fugir por uma matagal, mas três foram alcançados logo em seguida. Na continuidade das buscas, o quarto foragido foi preso, horas depois, em um cerco policial feito com o auxílio das equipes da Delegacia de Maruim. Ainda de acordo com as investigações, os suspeitos identificados como Eduardo Santana dos Santos, Jonata dos Santos e Igor Ramos da Cruz já possuíam mandados de prisão por outros crimes como roubo.

 

 

 

 

 

Foto: SSP/SE

Fonte: SSP/SE

Comentários

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...

%d blogueiros gostam disto: