Imprensa1
Site de notícias do jornalista radialista Marcos Couto

PC prende 17 por crimes contra administração pública durante operação ‘Castelo de Cartas’

PresoA Polícia Civil de Sergipe, através do Departamento de Crimes Contra a Ordem Tributária e Administração Pública (Deotap), e com o apoio da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol), finalizou no final da manhã desta segunda-feira, 6, a operação ‘Castelo de Cartas’.

DelegadaForam presas 17 pessoas nas cidades de Canindé do São Francisco, Arauá, Malhador, Itabaianinha, Rosário do Catete e Japaratuba, acusadas de fraudar licitações. A operação, que é fruto de uma parceria entre a Polícia Civil e o Ministério Público Estadual, foi desencadeada após 14 meses de investigação feita pelo Deotap, sob a coordenação da delegada Danielle Garcia.

Desde as primeira horas de hoje cerca de 100 agentes civis e delegados de polícia cumpriram os mandados de prisão e de busca e apreensão.

Os detidos foram encaminhados para a sede do Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope), onde prestam depoimentos. Na tarde desta segunda-feira, às 16h, a delegada Danielle Garcia fez na sede do Cope um breve pronunciamento à imprensa sobre a operação e revelou alguns nomes de pessoas presas:

– Adilson Farias Pardo

– Osvaldo Pardo Caldas Neto (filho de Adilson Pardo)

– Michel Anderson Costa Casas (sobrinho de Adilson Pardo)

– André Vieira de Melo

– Valdeilton Alves de Jesus

– Cosme Caldas dos Santos

– Adonias Costa Lisboa

– Sebastião Nabuco D’Avila

– Maria Rosenildes Barreto (presidente da Comissão de Licitação e funcionária da Prefeitura de Japaratuba).

 

Já na manhã desta terça-feira, 7, acontecerá na sede da Academia de Polícia Civil (Acadepol), às 8h, uma coletiva, onde os delegados envolvidos e os promotores do MP detalharão todo o processo de investigação, os crimes e as prisões efetuadas.

Fonte: ASCOM/SSP 

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...