Imprensa1
Site de notícias do jornalista radialista Marcos Couto

PF deflagra operação contra grupo criminoso que vende fertilizantes sem registro em SE e BA

A Polícia Federal (PF) com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), deflagrou, nesta segunda-feira, 29, a OPERAÇÃO “TERRA INFÉRTIL”, com a finalidade de combater grupo criminoso que estava vendendo fertilizantes sem o cadastro, registro e autorização do órgão do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento no estado de Sergipe.

O inquérito policial teve início com informações repassadas pelos núcleos de inteligência da PF e da PRF, relacionadas com o comércio ilegal de fertilizantes na região de Cristinápolis/SE; e, após investigações de campo, foram identificados 05(cinco) suspeitos envolvidos diretamente na prática de condutas criminosas que se amoldam aos crimes de receptação ilegal, estelionato e contra as relações de consumo.

Considerando que os suspeitos vinham atuando livremente no estado de Sergipe, a operação desencadeada teve como objetivo fazer cessar a atividade ilegal e coletar provas mais contundentes sobre o grupo criminoso.

Dessa forma, mediante manifestação favorável do Ministério Público Estadual, a Justiça Estadual determinou a prisão temporária de 05 suspeitos e que fossem cumpridos 11 mandados de busca e apreensão nos municípios de Cristinápolis (SE), Rio Real (SE) e Umbaúba (SE).

A ação policial contou com a participação de 31 (trinta e um) policiais federais e 36 (trinta e seis) policiais rodoviários federais.

Os envolvidos responderão pela prática de crimes de receptação ilegal, associação criminosa e contra as relações de consumo.

O nome da operação faz uma correlação com o produto que vinha sido manipulado e comercializado ilegalmente pelos suspeitos, no caso, fertilizantes; por isso, o nome TERRA INFÉRTIL, ou seja, através do crime nada floresce.

Fotos: PF/SE

Com Informações: PF/SE

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...