Desenvolvedor dos links falsos para golpe com clientes de banco é detido

Outros dois investigados, responsáveis pelo acesso às contas das vítimas, também foram presos

Foto: SSP/SE

O Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri) detalhou, nesta segunda-feira, 22, que foram feitas mais três prisões durante a Operação Torpedo. Dentre os investigados presos, está um desenvolvedor de links de sites falsos, que eram encaminhados aos potenciais vítimas do golpe.

De acordo com a delegada Maria Pureza, também foram presos dois envolvidos com o acesso às aplicações oficiais com os dados das vítimas. As prisões ocorreram em São Paulo e no Rio Grande do Sul. Os investigados foram encaminhados para Sergipe e chegaram nesse fim de semana à capital, pois algumas vítimas são do estado e o processo corre na Justiça local.

Os presos foram identificados como Kairo Cardozo Trzeciak (RS), Robson de Souza Peres (SP) e Yasiel Soria O Farril (SP).

“A prisão deles foi de fundamental importância para o desfecho das investigações. A Polícia Civil teve êxito com a prisão do desenvolvedor dos links maliciosos. O investigado Kairo era o desenvolvedor, já o Iaziel e o Robson invadiam as contas das vítimas, já de posse das credenciais dos correntistas do banco”, detalhou a delegada.

A operação segue, para identificar outros envolvidos no golpe. Informações sobre suspeitos, podem ser repassadas à Polícia Civil pelo telefone 181.

Com Informações: SSP/SE

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...