Prefeitura de Cristinápolis se compromete com o MP a quitar o 13º salário dos servidores comissionados

O Ministério Público de Sergipe, por intermédio da Promotoria de Justiça de Cristinápolis, celebrou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o município para que seja quitado o saldo devedor de R$ 1.431.705,14 (um milhão, quatrocentos e trinta e um mil, setecentos e cinco reais, e quatorze centavos), referente ao 13º salário dos servidores comissionados e contratados no período de 2017 e 2018. O montante deverá ser pago em 18 parcelas de R$ 79.539,17 (setenta e nove mil, quinhentos e trinta e nove reais e dezessete centavos), ou um valor maior, caso o município possua disponibilidade financeira.

Além disso, o município se comprometeu a não usar verba pública em despesas destinadas a realização de shows artísticos, festejos juninos ou quaisquer outras comemorações, a exemplo de inaugurações de obras públicas, feiras agropecuárias, vaquejadas, micaretas, carreatas, motocadas, carnavais fora de época e demais eventos congêneres, enquanto não quitar a dívida.

De acordo com uma das cláusulas do termo, o descumprimento injustificado de quaisquer das obrigações previstas importará na imposição de multa ao município, representado pelo prefeito, no valor de 10% do débito total restante, devidamente corrigido e acrescidos dos juros legais, até o adimplemento total da obrigação, que deverá ser revertida ao Fundo Especial do Ministério Público do Estado de Sergipe, nos termos da Lei 6.257/2007.

 

Fonte:  Núcleo de Comunicação do Ministério Público de Sergipe

Comentários

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...

%d blogueiros gostam disto: