Primeiro impostômetro é inaugurado em Sergipe

IMPOSTOMETRO-MAURICIO DE NASAL-JOSEVALDO MOTA-IMPOSTOS -00No início da manhã do último sábado dia 12 de setembro,  a Faculdade Maurício de Nassau Aracaju, inaugurou o primeiro impostômetro do Estado de Sergipe. O impostômetro faz parte das ações de responsabilidade social promovidas pela Instituição.

Esse é o 8º implantado através da rede de IES’s a exemplo de outras capitais como Manaus, Belém, Fortaleza, Natal, João Pessoa, Recife e Maceió. A inauguração acontece junto ao Feirão do Imposto, Evento de cunho nacional que propõe alertar a população sobre a carga tributária que incide em produtos e serviços no Brasil.

O impostômetro foi idealizado pelo IBPT – Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário, sendo que o projeto inicial foi inaugurado em 2005, em São Paulo, em parceria com a Associação Comercial do estado.

IMPOSTOMETRO-MAURICIO DE NASAL-JOSEVALDO MOTA-IMPOSTOS -02O equipamento é atualizado em tempo real com os dados fornecidos pelo IBPT.  A contabilização dos impostos é feita considerando os valores arrecadados em tributos pelas três esferas de governo: impostos, taxas e contribuições, além de multas, juros e correção monetária. Através de um método próprio, é feita uma estimativa com base nos dados dos últimos 3 anos de arrecadação atualizados com o índice de crescimento médio desses períodos que considera também as sazonalidades dos impostos de acordo com as características de arrecadação dos períodos analisados.

O principal objetivo do impostômetro é deixar mais claro para o contribuinte o quanto é arrecadado em tributos no país e com isso deixar a população alerta para a necessidade de cobrar de seus governantes a aplicação correta desses recursos. Mais de 1 trilhão de reais já foram arrecadados em todo país.

E a marca já passa de 1 bilhão e 400 milhões até hoje só no estado de Sergipe. Com esse valor seria possível comprar mais de 18 mil ambulâncias equipadas, construir mais de 40 mil casas populares, mais de 5 mil postos de saúde equipados, ou mesmo, contratar mais de 120 mil professores de ensino fundamental durante um ano.

Para Professora Giomara Basso, diretora da unidade Aracaju, “Tendo a informação da receita acumulada, podemos cobrar de nossos governantes, de maneira mais participativa, as melhorias fundamentais de nossos direitos enquanto cidadãos, como manutenção de vias públicas, por exemplo”, relata.

IMPOSTOMETRO-MAURICIO DE NASAL-JOSEVALDO MOTA-IMPOSTOS -01“A intenção não é apenas de enfatizar o peso dos impostos sobre produto ou serviço, mas como um todo na economia”, destaca o Diretor do SESCAP/SE – Sindicato das Empresas de Contabilidade do Estado de Sergipe Josevaldo Mota de Souza.

Wladmir Alves Torres, presidente da ACESE enxerga a importância do impostômetro para demonstrar a toda população qual o percentual de imposto pago em produtos e serviços. “É importante que tanto o empresário quanto o consumidor reconheça o que está associado a essa carga tributária”, disse.

O Impostômetro é uma realização da Faculdade Maurício de Nassau com o apoio do SESCAP – Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis Assessoramento, Informação e Pesquisa, CRC – Conselho Regional de Contabilidade, ASCC – Academia Sergipana de Ciências Contábeis, ACESE – Associação Comercial e Empresarial de Sergipe, CJE – Conselho de Jovens Empreendedores, CONAJE – Confederação Nacional de Jovens Empresários, Associação Comercial de São Paulo e IBPT – Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário.

Reprodução: www.imprensa1.com.br

Por: Ascom do evento

Comentários

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...

%d blogueiros gostam disto: