Projeto “Dentista do Bem” precisa de novos dentistas voluntários

0 142

Desde 2017 em Aracaju e com mais 90 crianças beneficiadas, o projeto Dentista do Bem, busca ampliar seus atendimentos e, mais do que nunca, está à procura de novos voluntários para compor o programa.

Atualmente, são 50 voluntários que atendem de forma gratuita em seus próprios consultórios e realizam um tratamento de caráter curativo, preventivo e educativo para pessoas em situação de vulnerabilidade social.

Segundo o coordenador do projeto na capital sergipana, o dentista Martin Mansilla, há uma necessidade de ampliação dos atendimentos, tendo em vista a grande demanda.  “Nossa intenção é atender um número maior de pacientes e para isso precisamos de uma ampliação de nossos voluntários. Entendemos que o trabalho desenvolvido tem capacidade de ser melhor do que já somos hoje”, ressaltou.

O Dentista do Bem é o principal programa da Turma do Bem (TdB), e conta com o trabalho voluntário de cirurgiões-dentistas que atendem em seus próprios consultórios crianças e jovens de baixa renda entre 11 e 17 anos, proporcionando tratamento odontológico gratuito até que completem 18 anos. Atualmente, é a maior rede de voluntariado especializado do mundo.

Os pacientes são selecionados por grau de necessidade, como explica Mansilla. “É realizada uma triagem em escolas da rede pública ou instituições sociais. Jovens e crianças com problemas bucais graves, os mais carentes e próximos do primeiro emprego têm prioridade no atendimento”, pontuou.

O programa Dentista do Bem já conta com voluntários espalhados em 1303 municípios brasileiros, 12 países da América Latina e Portugal. Mais de 70 mil crianças já foram beneficiadas pelo projeto e conta com o trabalho de 17 mil dentistas voluntários.

Os dentistas interessados em participar do projeto podem entrar em contato através do Instagram @projetodobemaracaju ou pelo site www.turmadobem.org.br para buscar mais detalhes das ações realizadas.

Surgimento do TdB

O projeto Turma do Bem surgiu em 1995, quando o Dr. Fábio Bibancos lançou seu primeiro livro e foi convidado a palestrar em escolar privadas e logo depois em escola públicas e nesses locais viu o tamanho a necessidade bucal daquelas crianças e adolescentes.

A prevenção odontológica já não adiantava mais então que resolveu unir 15 colegas e, juntos, passaram a atender gratuitamente alguns casos em seus consultórios. Assim surgiu a ideia inovadora que hoje se tornou a maior rede de voluntariado especializado do mundo: o Dentista do Bem.

Em 2002, com o aumento significativo de dentistas, a TdB foi oficializada e recebeu a certificação do Ministério da Justiça como OSCIP.

Reprodução: www.imprensa1.com

Texto: Assessoria de Impensa

Fonte: Luzia Teles / Jornalista

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...