Imprensa1
Site de notícias do jornalista radialista Marcos Couto

Quadrilha que aterrorizava sertão de Sergipe é desarticulada e dois bandidos morrem

f1A Polícia Civil apresentou na manhã desta quinta-feira, dia 1º, detalhes da investigação que levou à identificação dos três acusados de homicídios, assaltos e tráfico de drogas em municípios do sertão de Sergipe.

Eles são autores inclusive do roubo do carro do subsecretário de Estado da Articulação Institucional, Jorge Araújo, e da morte do funcionário da Petrobras Derisvaldo Lima Cunha, 41, há pouco mais de um mês. Dois dos acusados – Adiclecio Rodrigues de Abreu, o ‘Kel’ ou ‘Camarão’, 22 anos, e Valtenor dos Santos, 31, ‘Nanô’ ou ‘Val’ – morreram na tarde de terça-feira, dia 31, após uma troca de tiros com policiais civis e policiais militares, durante um cerco no município de Feira Nova.Um terceiro acusado, preso há 15 dias, foi apresentado hoje. Foi através de Marcelo Oliveira dos Santos, 23, o Vaqueiro ou Val, que a PC chegou aos demais.

EVERTOO diretor do do Centro de Operações Especiais (Cope) da Polícia Civil, Cope, delegado Everton Santos, e os delegados André Baronto e Cristiano Barreto, explicaram que a ação foi motivada após investigações subsidiadas pela Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol). “Foi através desse levantamento que Val e Kel foram interceptados numa rodovia estadual quando transitavam com uma motocicleta roubada na cidade de Poço Redondo”, disse Everton.

2011_setembro_01_-043_adiclecio_rodrigues_de_abreuA dupla não obedeceu a ordem policial e dispou contra os policias, que revidaram, atingido os criminosos. Contra os dois existiam mandados de prisão. “Eles iam cometer um outro crime. Chegamos a socorrê-los até o hospital de Nossa Senhora da Glória, mas não sobreviveram aos ferimentos”, explicou o diretor do Cope, delegado Everton Santos.

O cerco a ele contou com apoio da Delegacia Regional de Glória, por parte da PC, e do Comando de Operações Especiais (COE) e do Pelotão Especial de Policiamento em Área de Caatinga (Pepac). Com Val e Kel foram encontrados um revólver calibre 32, uma espingarda calibre 12 de repetição e maconha. Ainda segundo o delegado André Baronto, a dupla vinha aterrorizando a região.

Eles são acusados de assaltos, estupros e de envolvimento com o tráfico de drogas. Ao todo são mais de 30 crimes relacionados a eles e ações eram cometidas sob o efeito de drogas e com bastante violência. Vaqueiro relatou que o bando saiu de Paulo Afonso, na Bahia, com destino ao interior sergipano sabendo que Val iria tirar a vida do funcionário da Petrobras.

f4O suspeito disse ainda que estava dirigindo o veículo, tomado no assalto ao subsecretário Jorge Araujo, quando Val e os outros três invadiram a casa de Derisvaldo e o levaram a morte, pois ele estava com a ex-companheira de Val e criando a filha dele. A Polícia Civil e a Polícia Militar chegaram ao bando após cerca de um mês de investigação, onde durante esse tempo, a quadrilha continuava cometendo crimes. No último dia 28 os criminosos promoveram um verdadeiro arrastão entre os povoados Queimadas e Serra da Guia, localizados em Poço Redondo. De acordo com a polícia, a quadrilha invadiu casas, bateu em moradores e roubou cinco motos.

Fonte: Imagem:SSP/SE

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...