Radialistas de Sergipe rejeitam por unanimidade contraproposta patronal

STERTS-SINDICATO-RADIALISTAS--IMPRENSA1-MARCOSCOUTO-FERNANDO-CABRAL-ASSEMBLEIA-GERAL-01Em assembleia geral extraordinária, realizada na noite desta terça-feira , dia 12, na sede do Sindicato dos Radialistas de Sergipe, a categoria rejeitou por unanimidade a contraproposta, vista como indecorosa, apresentada pelos patrões.

Tanto o índice de 7%, que até agora ninguém sabe de onde foi ‘tirado’, quanto a ultrajante clausula dois, onde os donos da mídia de Sergipe pleiteavam que este sindicato abrisse mão de sua obrigação de representar a nossa categoria judicialmente, através da substituição processual, foram rechaçados unanimemente.

A assembleia também decidiu manter a clausula financeira, que é composta pela reposição da inflação no período de maio/2014 a abril/2015 que foi de 8,34% (INPC) e 14,8% (Projeto Inter-Meios), referente ao crescimento médio nacional das empresas de rádio e TV no ano de 2014, totalizando 23,14%.

Foram retirados os itens: treze e dezesseis, obrigatoriedade na operação e liberação dos dirigentes, respectivamente. Ficou decidido que todos os outros quinze itens serão reapresentados. Também foi aprovado por unanimidade o “estado de greve”, abrindo a possibilidade de uma paralisação parcial ou total das atividades em todo o estado.

O SINDICATO SOMOS TODOS NÓS!

STERTS – É LUTA!


Fernando Cabral

Presidente do STERTS
[email protected]

Sindicato dos Radialistas de Sergipe

http://www.stertsergipe.com.br; http://www.imprensa.fm;

FILIADO À FITERT E CTB

Comentários

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...

%d blogueiros gostam disto: