Sindijor, OAB e CONAL promovem “debate” com os candidatos a governador

ELEIÇÕES-2014-IMPRENSA1-ELEIÇOESO Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Sergipe (SINDIJOR-SE), a Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Sergipe (OAB-SE) e o Conselho Nacional do Laicato do Brasil, Seccional Sergipe (CONAL-SE), promovem na próxima quinta-feira (18), a partir das 16h, no Auditório da antiga sede da OAB, localizada a Travessa Martinho Garcez, 71, Centro, o Encontro com os Candidatos a Governador de Sergipe.

O evento tem por objetivo conhecer as propostas dos candidatos para as categorias de jornalistas e advogados, além de temas relacionados à Igreja e a sociedade. As entidades representativas dos jornalistas, advogados e da Igreja Católica também vão entregar aos candidatos um documento contendo as principais reivindicações das respectivas categorias profissionais e da Igreja.

Para o presidente do SINDIJOR-SE, Paulo Sousa, o Encontro é um momento importante para que cada candidato assuma publicamente o compromisso com as principais demandas dos profissionais da imprensa.

“É importante um encontro como este para que possamos debater com os candidatos os temas de interesse dos jornalistas sergipanos e da própria sociedade. Queremos saber o que eles pensam sobre concurso público para jornalista, criação do Conselho Estadual de Comunicação e democratização da verba publicitária da SECOM. Esperamos que todos os candidatos assumam esse compromisso com a nossa categoria”, explica.

O presidente da OAB-SE, Carlos Augusto, destacou a importância do Encontro para o debate das principais bandeiras de luta dos advogados.

“A Ordem tem bandeiras a serem levantadas e, por meio das Comissões Temáticas, questionamentos serão direcionados aos cinco candidatos, individualmente, com a finalidade de conseguir extrair compromisso por parte do futuro governador, no qual um documento será encaminhado a eles, em que cada um se comprometerá ou não com as bandeiras levantadas pela instituição”, observa.

Ricardo Lima, vice-presidente do CONAL-SE, observa que o Encontro é uma oportunidade ímpar para a Igreja e a sociedade conhecerem a opinião dos candidatos sobre temas defendidos pelos cristãos e a sociedade.

“O cidadão é livre para escolher o seu candidato e ele deve, ao fazer a sua escolha, fundamentá-la no sentido de que ele está exercendo o seu direito de uma maneira consciente, conhecendo o candidato, sua experiência, seu passado, seu projeto de governo. O cristão é como qualquer cidadão e, como tal, têm direitos e obrigações e deve também participar da vida política. A Igreja participa de debates como este para orientar melhor os cristãos sobre os candidatos mais engajados em nossos temas e nas propostas da sociedade”, salienta.

Debate

De acordo com o regulamento do Encontro com os Candidatos a Governador, cada instituição (SINDIJOR, OAB e CONAL) fará duas perguntas para os candidatos que terão direito a três minutos de fala para a sua apresentação e mais três para a resposta de cada pergunta, seguido de mais dois minutos para as considerações finais. O Encontro é aberto ao público.

Comitê 9.840

Antes do Encontro com os Candidatos a Governador, as entidades farão o lançamento oficial do Comitê de Combate à Corrupção Eleitoral. O Comitê tem por finalidade fiscalizar e denunciar possíveis atos ilícitos nas eleições.

Comentários

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...

%d blogueiros gostam disto: