TCE divulga índice de efetividade das prefeituras sergipanas – IEGM 2020

O presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE/SE), conselheiro Luiz Augusto Ribeiro, anunciou no Pleno desta quinta-feira, 18, o resultado do Índice de Efetividade da Gestão Municipal (IEGM-2020), que tem como base dados coletados junto às prefeituras sergipanas, relativos ao ano de 2019, nas áreas de Saúde, Governança e Tecnologia da Informação, Planejamento, Fiscal, Ambiente e Cidade.

Clique aqui e confira o IEGM-2020

Conforme o conselheiro-presidente, para chegar ao resultado final, o TCE, em parceria com o Instituto Rui Barbosa (IRB), encaminhou questionários aos 75 municípios sergipanos e, em virtude da pandemia da Covid-19, validou apenas a dimensão I-saúde posteriormente, através da solicitação de documentos e análise pelas Coordenadorias de Controle e Inspeção. Todo o trabalho se deu de forma online.

“É importante salientar que os dados são de 2019, pouco antes da pandemia; assim como diversos Tribunais de contas do país, fizemos o levantamento para que o IRB pudesse mensurar a efetividade das políticas públicas municipais”, destaca o conselheiro-presidente.

Quando comparado ao Índice publicado no ano anterior (IEGM-2019), 57 municípios (76%) declinaram na faixa de resultados geral, enquanto 14 municípios (18,7%) permaneceram na mesma faixa de resultados e apenas quatro municípios (5,3%) ascenderam.

A avaliação segue uma metodologia de cinco faixas de resultados. A nota A classifica as políticas públicas aplicadas em determinada esfera como altamente efetiva; nota B+, como muito efetiva; B, como efetiva; C+, como em fase de adequação e C, com baixo nível de adequação.

“O IEGM mantém seu propósito de avaliar a qualidade dos gastos e a efetividade das políticas públicas; a ideia é contribuir para que os gestores busquem o equilíbrio necessário na destinação de recursos para as diversas áreas”, comentou a diretora técnica do TCE, Patrícia Verônica.

No âmbito do TCE/SE, o IEGM tem como responsável a Ditec, através da Assessoria de Planejamento. “IEGM é um indicador essencialmente de processos de trabalho, cuja finalidade para o jurisdicionado é alertar o gestor para a necessidade de implantá-los ou aperfeiçoá-los nas respectivas dimensões avaliadas”, conclui a assessora de Planejamento e Controle do TCE/SE, Shara Lessa.

A ação tem como objetivo apresentar, de forma transparente, a qualidade das políticas públicas municipais, por meio da avaliação de resultados dos programas e serviços prestados à população, visando o aperfeiçoamento das ações dos governos municipais. O TCE contribui para a efetivação deste índice desde 2015, valorizando a qualidade do gasto público e contribuindo com a administração pública.

Ascom: TCE/SE

Comentários

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...