Imprensa1
Site de notícias do jornalista radialista Marcos Couto

Tribuna Livre da Câmara Municipal de Aracaju discute regulamentação de transporte alternativo alternativo

A legalização do transporte alternativo da Zona Sul de Aracaju foi tema da Tribuna Livre desta terça-feira, 3. O advogado Luiz Gustavo Fontes ocupou a Tribuna para falar sobre o assunto. Segundo o representante do grupo, tanto as cooperativas de táxi, quanto os dos táxi lotação se uniram em prol da legalização do transporte alternativo.

“Estamos vivendo um momento histórico no qual duas categorias se uniram para fazer justiça com esses pais e mães de família, que tanta lutam pela sua sobrevivência”, disse completando que há mais de 20 anos essa categoria atua na cidade e luta por condições melhores de trabalho e regulamentação.

Fazendo uma contextualização histórica, Luiz Gustavo lembrou que os táxis lotação se iniciaram por uma necessidade dos moradores do bairro Santa Maria por dificuldade no transporte público. “Esse serviço nunca foi clandestino, pois, não é feito nada escondido, ele só não é legalizado. Além disso, durante todo esse tempo, esses profissionais têm sofrido perseguições de diversas partes impedindo-os de exercer a profissão”, reforçou.

Ainda de acordo com o advogado, o Poder Público municipal, ao longo dos anos, prometeu diversas vezes a regulamentação do transporte alternativo, mas isso nunca aconteceu. “Estamos num momento ímpar de união das categorias, temos a oportunidade única de aprovar uma regulamentação”, opinou pedindo apoio dos vereadores.

Vereadores

Após a fala de Luiz Gustavo, os vereadores da Casa se pronunciaram sobre o assunto. O presidente da Casa, Nitinho (PSD) afirmou que essa é um debate antigo na CMA e que não depende apenas da vontade do Poder Legislativo.

Já Pastor Diego (PP), afirmou que tem dialogado com a categoria há um tepo. “Eles não são clandestinos e merecem respeito. Diante dessa situação, eu preparei e protocolei um Projeto de Lei que trata sobre essa regulamentação”, avisou. A vereadora Sheyla Galba (Cidadania) contou que sempre foi usuária do transporte e que apoia a regulamentação.

Também envolvida na causa, a Professora Ângela (PT) disse que recentemente reuniu-se com moradores da Zona de Expansão e o assunto abordado também foi sobre a regulamentação do transporte alternativo. Os vereadores Ricardo Marques (Cidadania), Sargento Byron (Republicanos), Linda Brasil (Psol) e Emília Corrêa também apoiaram a ampliação do debate sobre o assunto.

Reprodução: www.imprensa1.com

Por: Agência Câmara Aracaju

Deixe uma resposta

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...