Trio que matou comerciante no Santa Maria já está preso

Delegada Thereza Simony  Reinaldo GasparoniO Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) elucidou em apenas 12 horas um assassinato ocorrido na noite da última quinta-feira, 21, no bairro Santa Maria. A vítima, identificada como José Andrade do Carmo, 32 anos, vulgo “Zé do Gás”, foi morta a tiros quando estava em sua casa. 

Foram presos Lauro Augusto de Melo Santos Júnior, 21 anos, Edenilson de Melo Santos, 19 anos, e Walber Manoel dos Santos Júnior, 19 anos. “O trio foi até a casa da vítima e dispararam até descarregar completamente a arma de fogo. A vítima morreu ainda no local, enquanto os autores fugiram em disparada”, explicou a delegada Juliana Alcoforado.

 

Ainda segundo a delegada, a investigação chegou à conclusão de que o “Zé do Gás” esfaqueou um rapaz de 17 anos na tarde da quinta-feira, 21, pois alegava que o jovem já o havia roubado várias vezes e por conta disso decidiu matá-lo. O jovem não morreu e foi socorrido para o Hospital de Cirurgia, recebendo alta no mesmo dia.

 

De acordo com a diretora do DHPP, Thereza Simony, a tentativa de homicídio foi a causa da morte de “Zé do Gás”. “O trio é amigo do jovem esfaqueado por ele e resolveu assassinar ‘Zé do Gás’. Foi então que eles, e mais um adolescente, que está foragido, foram até a casa da vítima e cometeram o crime”, explicou Simony.

 

Lauro Augusto, que já responde por roubos e outro homicídio, foi preso na Rua Geruzinho, no Centro de Aracaju. Seu irmão, o Edenilson, que também responde por tráfico, roubos e outro homicídio, foi preso escondido embaixo de uma cama na casa do avô, nas proximidades da avenida Explosão. Nas imediações desse local, Walber, que já foi detido por roubo, foi preso em via pública.

 

Os policiais conseguiram, ainda, apreender a arma de fogo usada no crime. “A arma pertencia ao Walber e estava escondida na casa de um primo. Como todos afastaram a possibilidade de participação do adolescente esfaqueado naquele dia pela vítima, ele foi ouvido e liberado. A participação do quarto autor, que também é adolescente e já foi identificado, será apurada já que ele permanece foragido”, finalizou a delegada.

 

Foto: Reinaldo Gasparoni 

Fonte: Ascom/SSP

Comentários

Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência no nosso site. Acesse a nossa Política de Privacidade para saber mais ou gerenciar suas preferências pessoais na nossa Ferramenta Consentimento Cookie. Ao usar o nosso site, você concorda com o uso de cookies. Aceitar Ler os termos...

%d blogueiros gostam disto: